radio zumbi

domingo, 16 de outubro de 2011

Itabaiana e Juripiranga perdem eleitores para São José dos Ramos

São José dos Ramos é um município que tem poucos anos de emancipação. Antes, pertencia ao município de Pilar.


É comum o eleitor morar em uma cidade e votar em outra no Vale do Paraíba, segundo indicam dados do TSE recentemente divulgados. Apesar de absurdo, o fato de moradores de Itabaiana e Juripiranga pagarem impostos e receberem assistência nesses municípios e votarem na vizinha cidade de São José dos Ramos é considerado normal na região, conforme relato dos próprios moradores. “Eleitores de Juripiranga e Itabaiana escolherem o prefeito de São José dos Ramos é uma das muitas distorções eleitorais vistas por aqui”, comenta um morador de Itabaiana que não quis se identificar.

A situação ficou clara após a divulgação de números de eleitores nessas cidades, através da Justiça Eleitoral. Em pelo menos três municípios do Vale do Paraíba, na Zona da Mata paraibana, foi registrada pelo TSE a redução do número de eleitores em 11 anos. Itabaiana, a “Rainha do Vale”, tinha 19.894 pessoas a votar em outubro de 2000. Hoje, o eleitorado está em 19.082, o que representa uma queda na ordem de 4%.

Em Juripiranga, há 11 anos, a cidade tinha 8.518 eleitores. Um pouco mais de uma década, o contingente eleitoral oscilou para baixo, chegando a 8.301, uma diminuição de 2%. As lideranças políticas atribuem a queda à migração de eleitores para municípios próximos, como Pilar e São José dos Ramos, que tiveram um aumento no eleitorado.

FORA DO AR: MPF pede cassação da concessão da TV Correio




A Justiça Federal na Paraíba deu um prazo de 72 horas para a TV Correio se manifestar sobre as acusações feitas na Ação Civil movida pelo Ministério Público Federal.

No processo, o MPF pede, entre outras coisas, a suspensão do programa Correio Verdade, apresentado pelo radialista Samuel de Paiva Henrique (conhecido como Samuka Duarte) e a cassação da concessão da emissora, que é repetidora da Record.

Também foi solicitada uma indenização de R$ 500 mil para a adolescente cujas imagens foram exibidas indevidamente, além de pagamento de R$ 5 milhões por danos morais.

Depois de solicitar a oitiva das pessoas jurídicas interessadas do processo – MPF e TV Correio – a 3ª Vara Federal ressaltou que os autos da ação correrão em segredo de Justiça por conter gravações do programa televisivo no qual as imagens das adolescentes foram exibidas.

A indenização de R$ 500 mil à adolescente, solicitada pelo MPF, diz respeito ao uso indevido da imagem, violação da privacidade e danos morais. Como relatou o procurador Duciran Farena no processo, foram exibidas cenas reais do abuso sexual cometido em Bayeux contra uma jovem de menos de 18 anos de idade.

No processo, a acusação ressalta que “não se encontraria, no país inteiro, exemplo mais cabal de exploração da miséria humana e da sexualidade pervertida".

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

REPRESSÃO POLICIAL


Andrezza entrevista João Pacheco, Embaixador da União Européia, em visita à Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares, de João Pessoa (PB) em 2009.

Militante do movimento de rádios comunitárias sofre agressão policial na Paraíba

Moradores da comunidade da Boa Vista, antiga Citex, no bairro Ernesto Geisel, em João Pessoa protestam contra os procedimentos da Polícia Militar, questionando principalmente o comportamento de policiais atuantes na área que desrespeitam frequentemente os direitos básicos do ser humano, conforme depoimento de Andrezza, militante do movimento de rádios comunitárias, participante da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares. 

Andrezza relatou que teve um primo preso por integrantes da Força Tática do 5º Batalhão da PM, acusado de envolvimento com drogas. O rapaz, menor de idade, foi torturado com um pedaço de ferro, segundo testemunhas. “A polícia invadiu a casa de minha tia, que foi acordada e levada à Delegacia sem ao menos ter a privacidade de trocar de roupa, sendo obrigada a se vestir na frente dos policiais”, disse Andrezza, acrescentando que ela mesma foi desrespeitada. “Os militares disseram que eu também fazia parte do tráfico de drogas, quando todo mundo sabe de minha vivência na comunidade como educadora social, com um trabalho de referência”. Ainda segundo Andrezza, os policiais debocharam o tempo todo, após o que levaram seu primo sem informar seu paradeiro.

Andrezza aponta a Tenente Viviane, suposta comandante da operação, conhecida pela forma desrespeitosa e autoritária com que trata a população das periferias da capital paraibana. “Anotei o número de todas as viaturas e vou pedir providências. Que polícia é essa que chega batendo e humilhando as pessoas, tendo prazer em torturar mulheres indefesas? Chega de tanta repressão”, protesta a radialista e educadora. Para ela, quem não vive nas comunidades não sabe o que de fato está acontecendo, e só vê o lado negativo por causa da forma sensacionalista com que a mídia comercial mostra essas áreas pobres. 

Mirley Jonnes, educador e ex-aluno da Casa Pequeno Davi, afirmou que encaminhou ofício para o Secretário de Segurança do Estado, notificando o fato e pedindo providências. “Particularmente acredito nas boas intenções dele, pelas interações que tivemos aqui no Roger no processo de mobilização pelo policiamento comunitário no bairro, pessoa que me transmitiu muita confiança e que certamente não comunga com esse tipo postura policia”, afirmou. Para ele, é o mínimo que o movimento social da Paraíba pode fazer, “tanto pela violação dos direitos do adolescente, como pela história e exemplo de vida e o sacerdócio de Andrezza na construção da cidadania na comunidade do CITEX”, acrescentou. 



Mestre do cinema paraibano realiza oficina no Ponto de Cultura Cantiga de Ninar

Torquato Joel (direita), com Laercinho de Aparecida, Marcélia Cartaxo, Clévia Paz e Vladimir Carvalho



O curtametragista Torquato Joel, da UFPB, ministra oficina de Roteiro Cinematográfico no Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, em Itabaiana. A oficina será realizada nos dias 13, 14 e 15 de outubro na Câmara Municipal, no horário da tarde. À noite, Torquato exibirá alguns dos seus filmes, incluindo o premiado curta-metragem “Passadouro”.

As 25 vagas da oficina estão sendo distribuídas com interessados dos municípios de Pedras de Fogo e Salgado de São Félix (3 vagas cada) e entre pessoas indicadas pelas organizações não governamentais Associação Memória Viva, Associação de Afro-brasileiros, Gayrreiros do Vale e do próprio Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, que promove o evento. Nas aulas, Torquato Joel fornecerá seus conhecimentos em princípios básicos do roteiro para cinema, incluindo temas como a narratologia, estrutura dramática, processo de criação dos roteiros de ficção e de documentário, construção de personagens e análises de filmes.

Torquato Joel é natural de Souza, Paraíba, estudou comunicação social na Universidade Federal da Paraíba e realizou estudos sobre o cinema direto no Atelier de Réalisation CinématographiqueVarennes (Paris). Alguns de seus filmes são: “O Verme na Alma” (1998), “Passadouro” (1999), “Transubstancial” (2003), “Estes” (2010).

Mais informações pelo celular 8702.0629

www.pccn.wordpress.com


domingo, 2 de outubro de 2011

Salgado de São Félix desenvolve técnicas de apicultura





A apicultura é alternativa de renda para agricultores familiares em Salgado de São Félix, com produção de mel com alto teor de pureza e bastante nutritivo, ou seja, um produto de qualidade com aceitação garantida no mercado consumidor. A apicultura é considerada uma das grandes opções para a agricultura familiar por proporcionar a geração de emprego e o aumento de renda, aproveitando a potencialidade natural do meio ambiente e sua capacidade produtiva. 
No município de Salgado de São Felix, região do Baixo Paraíba, um grupo de agricultores familiares deixou de plantar culturas como milho e feijão e está investindo na produção de mel, que vem dando lucro e melhorando a qualidade de vida dessas famílias do campo e a economia do município.

Virgínio Félix Alves é um dos agricultores que há mais tempo produz o mel na comunidade Dois Riachos. O incentivo para criar abelhas foi dado por um grupo de missionários que, ao visitar a localidade, no final da década de 80, deixou uma centrífuga e duas colmeias. Esse foi o material suficiente para Virgínio e sua família começarem a produção. De lá para cá, nunca mais pararam. Agora, na sua família, todos trabalham e vivem da renda gerada pela apicultura. A Prefeitura vem dando o incentivo possível a aos apicultores para melhor organizar a produção que já chega a 40.000 kg/litros de mel por ano. Com 44 sócios, o mel produzido na Associação de Apicultores de Salgado de São Félix é destinado, além da Paraíba, para outros estados como Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco.

Ao longo desses anos, o escritório local da Emater, em Salgado de São Felix, foi responsável pela elaboração de dezenas de projetos do Pronaf do Banco do Nordeste. O dinheiro financiado ajudou na aquisição de equipamentos e materiais para aumentar a produção como colmeias, melgueiras, máquina de sachê e casa de extração de mel. 

O técnico da Emater local, o zootecnista Paulo Emílio Souza, explica que a assistência feita pela empresa é muito ampla. “Uma vez por semana os integrantes da associação recebem a visita de um técnico do escritório que faz a revisão, orienta sobre a manutenção dos apiários e, recentemente, iniciamos um georefenciamento desses apiários a fim de não deixá-los tão próximos. Dessa forma, temos um aumento na produção”, disse. O produto líquido já faz parte do cardápio das escolas municipais e estaduais de Salgado de São Félix. Mas a novidade é que, este ano, as mulheres dos integrantes da Associação estão diversificando a produção com a introdução na alimentação escolar de produtos como pães, biscoitos e bolos à base do mel. 


terça-feira, 27 de setembro de 2011

Ricardo Coutinho e Rômulo Gouveia disputam espaço político em Itabaiana


Zé Ramos com Ricardo Coutinho (Foto: Marconi Xavier)
O Governador Ricardo Coutinho e seu vice Rômulo Gouveia protagonizam uma queda de braço na cidade de Itabaiana, onde o PSD de Rômulo foi entregue ao grupo político da atual prefeita Eurídice Moreira, que pretende fazer o sucessor através do atual Secretário de Educação, Fábio Rodrigues. Já Ricardo Coutinho defende a candidatura do advogado Zé Ramos, do seu partido, PSB.

No dia 25 de setembro, ambos os partidos realizaram convenção na cidade. Rômulo Gouveia foi mais discreto, sem aparecer no evento do seu partido. O Governador, no entanto, veio diretamente de Cuba para a convenção do PSB, onde foi a grande estrela. No seu discurso, Ricardo disse que “é questão de honra eleger Zé Ramos prefeito de Itabaiana, porque a cidade precisa se libertar do atraso político instalado nos últimos anos.” Para o governador, os demais grupos políticos já tiveram sua chance e “é hora de começar um novo ciclo”.

Além de lançar a pré-candidatura do ex-vereador Zé Ramos, o governador anunciou a instalação de uma escola técnica estadual em Itabaiana e a construção, para o ano que vem, da estrada que liga a cidade ao município de Pilar. “A pedido do companheiro Zé Ramos, vamos instalar aqui uma escola técnica”, garantiu, sinalizando ainda para a re-inauguração da ponte velha.

Em seu discurso, o governador ainda criticou a postura da TV Cabo Branco, que segundo ele, deflagrou uma campanha difamatória contra o seu governo. “Nós viemos das lutas populares. Não me amedronta matéria falsa de televisão, não me amedronta mentira dizendo que uma furadeira tá furando a cabeça do povo, como se o povo não tivesse inteligência para separar o que uma mentira profunda, o que é uma falta de respeito, o que é um terrorismo contra a população”, destacou Ricardo, que acrescentou: “Pode gastar rolo de filme que nós vamos continuar a mudar e moralizar a Paraíba.”



domingo, 18 de setembro de 2011

SÃO JOSÉ DOS RAMOS


Cavalo Marinho de Santa Rita no Festival de Aboio
Aboiadores participam de Festival de cultura popular

Nos dia 9, 10 e 11 de setembro, São José dos Ramos realizou o tradicional Festival do Aboio, promoção da Associação de Aboiadores Zé Preto Aboiador, juntamente com a Prefeitura Municipal. A festa aconteceu em praça pública trazendo uma variedade de brincantes da cultura popular nordestina: cavalo marinho, boi de reis, xaxado do PETI local, Meninas rendeiras do Projovem local, babau do Mestre Inaldo, nau catarineta e forró pé de serra, além da participação dos maiores poetas aboiadores do Nordeste. 

A festa contou com barracas com comidas típicas, corridas de cavalo de pau, missa do vaqueiro celebrada pelo Padre João Egídio, desfile do jegue simpatia com premiação. O publico se fez presente em massa, prestigiando a cultura regional.

A cultura relacionada aos cantos dos aboios e às tradicionais toadas usadas pelos vaqueiros do Nordeste no momento de conduzir o gado foi enfocada no Festival. O evento, em seu sétimo ano, revela o cotidiano do homem do campo: sua luta diária, suas experiências de trabalho, sua cultura, as brincadeiras e suas atividades na luta pela sobrevivência. “O projeto objetiva dar visibilidade ao Aboio na Paraíba e preservar nossa cultura”, disse a prefeita Cida Amorim, de São José dos Ramos. A coordenação do evento, como acontece desde o primeiro Festival, ficou a cargo de Laura Maurício.

(Matéria de Edglês Gonçalves)

Mulheres realizam conferência regional em São José dos Ramos


 

São José dos Ramos realizou em 1º de setembro a I Conferencia Regional de Políticas para Mulheres com a presença de 9 municípios: São José dos Ramos, Mogeiro, Itabaiana, Gurinhém, São Miguel de Taipu, Salgado de São Félix, Pedras de Fogo, Pilar e Juripiranga. O evento contou com a presença de Iraê Lucena, Secretária de Estado da Mulher e da Diversidade Humana, que fez uma análise sobre a  “realidade paraibana da mulher e os desafios para a construção de igualdade de gênero na perspectiva da implementação do PNPM (Plano Nacional de Políticas Publicas para Mulheres)  e participação das mulheres nos espaços de poder.”
 
 As conferências municipais e regionais para as mulheres, que preparam para a 3ª Conferência Estadual de Políticas para as Mulheres, nos dias 13, 14 e 15 de outubro, tiveram o prazo ampliado para o dia 15 de setembro. O objetivo das conferências é mobilizar gestores, associações, entidades e representantes da sociedade civil organizada para debater a autonomia econômica e a participação das mulheres nos espaços de poder, educação, saúde e segurança.

A I Conferencia Regional de Políticas para Mulheres teve os seguintes temas debatidos:

PARTICIPAÇÃO DOS MUNICÍPIOS

1.  SALGADO DE SÃO FÉLIX – PB
Tema – Realidade das Mulheres no Âmbito Municipal.
2.  SÃO MIGUEL DE TAIPU – PB
Tema – Políticas Públicas para as Mulheres.
3.  PILAR– PB
Tema – Educação Inclusiva.
4.  GURINHÉM – PB
Tema – Enfrentamento da Violência.
5.  PEDRAS DE FOGO – PB
Tema – Participação da Mulher nos Espaços Políticos e Públicas.
6.  JURIPIRANGA– PB
Tema – Diferenças de Raça, Sexo e Classe.
7.  MOGEIRO– PB
Tema – Inserção da Mulher no Mercado do Trabalho.
8.  ITABAIANA – PB
Tema – Evolução Histórica da Libertação da Mulher no Brasil, com Foco na Paraíba.
9.  SÃO JOSÉ DOS RAMOS – PB
Tema – A Mulher e sua História na Evolução da Música no Brasil.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

ITABAIANA

Fábio Rodrigues com o Secretário Adjunto de Cultura, Antonio Costta

Fábio Rodrigues garante estrutura para o Pólo Municipal de Apoio Presencial

O Secretário de Educação de Itabaiana, Fábio Rodrigues, afirmou que as pendências do Pólo Presencial foram trazidas pela coordenadora e discutidas em reunião com todos os tutores para que eles pudessem opinar no sentido de melhorar o Pólo, buscando soluções viáveis que pudessem ser concretizadas de imediato. Segundo ele, já foi adquitido ar condiconado para o laboratório que funcionará nos dos turnos, ativação da biblioteca com fichas de catalogação e estantes, aquisição de material didático e provimento de copiadora, manutenção dos banheiros, fornecimento permanente de material de limpeza e melhor acesso à internet para alunos e professores. 

O Pólo Municipal de Apoio Presencial consiste numa estrutura para a execução descentralizada de algumas das funções didático-pedagógicas e administrativas do curso, no âmbito do Sistema de Universidade Aberta do Brasil. É o local onde o estudante tem acesso local a biblioteca, laboratório de informática (por exemplo, para acessar os módulos de curso disponíveis na Internet), tem atendimento de tutores, assiste aulas, realiza práticas de laboratórios, dentre outros. Em síntese, o pólo é o “braço operacional” da instituição de ensino superior na cidade do estudante ou mais próxima dele.

A estrutura de um pólo é composta de uma sala para Secretaria Acadêmica, uma Sala da Coordenação do Pólo, uma sala para Tutores Presenciais, uma sala de Professores e Reuniões, uma sala de Aula Presencial Típica, um Laboratório de Informática, uma Sala de video conferência e biblioteca. O Pólo de Itabaiana funciona no CAIC, no bairro Jucuri.

CRÍTICA

Na entrevista, Fábio Rodrigues criticou veladamente a ex-Secretária Simone, que segundo ele, deixou os proprietários de veículos que servem ao transporte escolar sem receber pelo contrato. “Em 2010, dos dez meses que deveriam estar pagos, só foram efetivamente creditados pagamentos referente a dois meses. Quando assumi a Secretaria, atualizamos o pagamento, fizemos novo processo licitatório e atualmente atendemos todas as comunidades rurais com transporte escolar através de seis veículos particulares além de dois ônibus da Prefeitura. Estamos adquirindo mais um ônibus para servir à rede pública de ensino”, informou Rodrigues.

Em outro juízo de valor da atuação da ex-secretária Simone, Fábio afirmou que na sua gestão à frente da pasta faltava merenda nas escolas. “Antes, tinha merenda um mês e outro não. Agora, sob minha responsabilidade, não falta comida de boa qualidade, com acompanhamento de nutricionista. Eu visito pessoalmente as escolas e provo a merenda. Estamos realizando chamada pública para que o agricultor familiar da região possa fornecer produtos para a merenda escolar”, concluiu.

terça-feira, 13 de setembro de 2011

José Sinval dá entrevista e responde às críticas da população

O Secretário de Saúde de Itabaiana, José Sinval Neto, deu entrevista na rádio Itabaiana FM. Leia trechos dos esclarecimentos e opiniões de Sinval:
“Os problemas de Itabaiana ainda são inúmeros, mas desde o início da gestão de dona Dida os problemas vêm diminuindo. Antes, a prefeitura era inoperante, com a cidade padecendo de problemas na educação, na saúde, infraetrutura, saneamento básico, moradia e tantos outros. Conseguimos amenizar, melhorando um pouco a saúde, aplicando mais recursos, contratando mais profissionais, melhoramos a educação, calçamos várias ruas, onde o Açude das Pedras, comunidade carente, foi quase todo calçado. Todos os gestores anteriores prometiam calçar Pernambuquinho, e só quem realizou foi dona Dida. Na área de habitação, construímos mais de 200 casas para a população pobre nesses sete anos de gestão, haja vista o conjunto habitacional da Penalty.

Temos problemas viários principalmente na zona rural, como é o caso de Manoel de Matos, cujo acesso foi dificultado pelas fortes chuvas.

Itabaiana se mobilizou com projetos para o Governo Federal. Em reunião no quartel do 15 RI em João Pessoa, dona Dida representou uma das poucas cidades presentes, ao lado da prefeita de Pilar, Dona Virgínia e a prefeita de Mamanguape, que compareceu à audiência com o comandante daquela unidade do Exército que ficou encarregado de dar suporte à região de Itabaiana, Encaminhamos à Defesa Civil do Estado todas as nossas demandas, a relação das comunidades atingidas pelas enchentes. O nosso Secretário de Administração e Finanças, Gilvan Herculano, foi pessoalmente a Brasília representando a prefeita e participou da reunião com o senador Vital do Rego Filho e o Ministro ... para que fossem liberados recursos para a Paraíba, mas infelizmente três cidades não foram contempladas nesta primeira remessa: Itabaiana, Campina Grande e Riachão.”


"A prefeita pode até me demitir se eu não trabalhar direito"

SECRETARIAS

Dona Dida determina que seus secretários sejam operantes, que tenham iniciativa, além de poder de decisão. O que acontece é que, diante do problema, a solução geralmente é extremamente dispendiosa e não temos recursos, sendo que a maioria das secretarias não é ordenadora de despesa e não tem recursos próprios. É difícil você trabalhar dessa forma e precisamos aprender a trabalhar com o pouco. Eu falo inclusive em meu nome como Secretário de Saúde: no momento em que nosso setor não estiver trabalhando bem, é porque o secretário está sendo ineficiente e omisso, e tenho certeza de que a prefeita vai me remover ou me exonerar. Temos que dar satisfações ao cidadão itabaianense que é o nosso empregador.

"Dona Dida não solta fogos quando chega na cidade, pois ela é discreta"


SOBRE A SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

A respeito da denúncia sobre a situação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), o Secretário respondeu: “A Secretária Auxiliadora não veio dar satisfações na rádio por algum motivo, talvez por não dispor de tempo. Mas garanto que não tem havido qualquer problema na Secretaria de Ação Social por negligência, pois a Secretária é muito dedicada e competente. A Prefeitura vai remanejar o prédio do Peti, com  melhores condições para atender às crianças do programa. Vamos nos reunir com a Secretária para que ela mostre as dificuldades que está encontrando e que essas demandas sejam resolvidas da melhor forma possível.

Quando dona Dida assumiu, tínhamos 1.600 beneficiários do Bolsa-Família. Dona Dida passou vinte dias em Brasília até conseguir a ampliação dos recursos. A prefeita em momento nenhum se escondeu diante dos problemas. Hoje temos seis mil Bolsa-Família, graças ao esforço da prefeita. Isso deu uma aquecida na economia de Itabaiana”.


"Um itabaianense, Damião Ramos, impediu o asfalto do centro da cidade"


AUSÊNCIA DA PREFEITA NA CIDADE

“A prefeita dona Dida está em Itabaiana semanalmente, de três a quatro dias. Infelizmente a prefeita não tem condições de visitar os cidadãos casa por casa, ela atende na Prefeitura que é seu local de trabalho. Nem sempre, quando a prefeita está na cidade, manda soltar fogos para anunciar sua presença. Ela é discreta, mas faz o seu trabalho, e quem precisar falar com ela sempre a encontra na Prefeitura.”

CALÇAMENTO, MATADOURO E AMBULÂNCIA

Sobre o asfalto do centro da cidade: “Conseguimos a liberação dos recursos com o senador Cícero Lucena. Encaminhamos o projeto para avaliação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico da Paraíba, onde sofreu algumas modificações que distorciam totalmente o projeto original, alegando que o calçamento atual é patrimônio histórico e não pode ser removido. Só que o calçamento já foi mudado muitas vezes anteriormente sem nenhum problema. A própria Cagepa já realizou muitas escavações, e infelizmente o itabaianense Damião Ramos Cavalcanti dificultou a liberação do projeto. Só considero patrimônio histórico os prédios da cidade. Por este motivo os recursos não foram liberados. Por causa da burocracia do IPHAEP, perdemos essa verba.”

Sobre o matadouro: “Também não conseguimos a execução do projeto de construção do matadouro por causa da burocracia do Governo Federal através da Caixa Econômica. Conseguimos recursos para a construção da praça, da policlínica, construímos casas, calçamos ruas mas a custo de muito suor e sacrifício. Os obstáculos burocráticos na esfera pública federal nos decepcionam, e às vezes você pensa que essa burocracia é justamente para não liberar os recursos. Mas vamos fazer o matadouro com recursos próprios, vindos de leilão de alguns prédios municipais, os recursos já estão em caixa, começando por comprar ou desapropriar um terreno adequado. Os nossos marchantes e consumidores não se preocupem porque já iniciamos o processo licitatório.”

Sobre o SAMU: “Conseguimos a liberação de uma ambulância básica e uma avançada para atender à população. Abriremos a licitação para construção da estrutura física do SAMU com capacidade de dar o suporte aos profissionais. O município de Itabaiana será atendido pela central de João Pessoa Os acidentados no vale do Paraíba serão transportados para a capital. Não podemos funcionar antes que João Pessoa instale a sua sede.”

(Trechos da entrevista concedida a Gil Costa, da rádio Itabaiana FM)

Centro Social Urbano de Itabaiana será reformado e poderá ter policiamento comunitário

Cida Ramos, Secretária de Desenvolvimento Humano

A Secretaria de Desenvolvimento Humano da Paraíba informou que os Centros Sociais Urbanos (CSU) do Estado, entre eles a unidade localizada em Itabaiana, serão reformados e terão base da PM para desenvolver projeto de Polícia Comunitária. O CSU de Itabaiana, localizado no bairro Jucuri, sofre ao longo dos anos um processo de sucateamento e abandono, devido ao descaso dos governantes e precariedade das estruturas. A insegurança é um dos fatores que inibem a presença da comunidade no Centro Social Urbano.

Segundo Cida Ramos, Secretária de Desenvolvimento Humano do Estado, está sendo desenvolvido com a Polícia Militar um projeto de Policiamento Comunitário nos Centros Sociais Urbanos para garantir segurança aos equipamentos e preservação da ordem pública com envolvimento da comunidade, junto com ações de inclusão, educação e saúde.

Nos Centros Sociais Urbanos a população deve encontrar o acesso aos serviços básicos, tais como, fornecimento de documentos, cursos de capacitação, realização de encontros com as comunidade e eventos, reuniões de grupos sociais (mães, idosos, crianças e adolescentes e alcoólicos anônimos), práticas esportivas (futebol, capoeira, Taekoondo), salão de beleza, aulas de teclado, alfabetização de jovens e adultos, grupos de produção artesanal, serigrafia, grupo de auto-ajuda e outros.

O Ponto de Cultura Cantiga de Ninar foi contatado para desenvolver ações culturais e de qualificação de mão de obra no Centro Social Urbano de Itabaiana, através de convênio de cooperação técnica objetivando desenvolver ações motivadoras e de participação, em atividades sócio-educativas, culturais, recreativas e de lazer.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Governador assina convênio com municípios do Vale do Paraíba





Os municípios do Vale do Paraíba estão sendo beneficiados com mais de R$ 2,4 milhões por meio do Pacto Social pelo Desenvolvimento da Paraíba. A assinatura dos convênios, entre o Governo do Estado e os municípios da 12ª Região Geoadministrativas, aconteceu nesta quinta-feira (8), na AABB de Itabaiana. Os convênios beneficiam 12 municípios com R$ 1,8 milhão na educação e R$ 554 mil na saúde. Em toda a Paraíba, o investimento do Governo é de R$ 42 milhões (são 260 projetos selecionados em 180 municípios).

Os convênios foram assinados pelo secretário de Desenvolvimento e Articulação Municipal, Manoel Ludgério, e o prefeito de Caldas Brandão, João Batista, (R$ 300 mil); de Ingá, Luiz Carlos Monteiro (R$ 100 mil); de Juripiranga, Tom Maroja (R$ 261 mil); de São Miguel de Taipú, Macilene Sales (R$ 410 mil); de Guirinhém, Claudio César Freire (R$ 200 mil); de Riachão de Bacamarte, José Gil Mota (R$ 145 mil); de São José dos Ramos, Maria Aparecida (R$ 88 mil); de Itatuba, Renato Lacerda (R$ 452 mil); de Mogeiro, Antônio Ferreira (R$ 29 mil); de Pedras de Fogo, Maria Clarisse Ribeiro (R$ 288 mil); e de Salgado de São Felix, Adáurio Almeida (R$ 73 mil). O município de Pilar também foi contemplado no Pacto com R$ 60 mil para a compra de equipamentos para o hospital.

Em seu discurso, o governador Ricardo Coutinho anunciou que o governo do Estado está investindo R$ 1,1 milhão em obras emergenciais de recuperação e abertura de estradas danificadas pelas chuvas na região. Na lista das rodovias, estão a PB-054, no trecho entre Itabaiana e a BR-238; o novo desvio da PB-054; a PB-051 até a BR-230, em Caldas Brandão; o entroncamento da PB-048 com a PB-082; e a PB-082 entre Salgado de São Felix e a Barragem de Acauã.

Ricardo Coutinho explicou que, somente no Vale do Paraíba, os recursos do pacto possibilitarão a construção de uma sala de parto, uma sala de fisioterapia, dois laboratórios, três centros cirúrgicos e um serviço de urgência e emergência, além de cinco novas escolas, sete ampliações, duas reformas, 23 salas de aulas e duas bibliotecas.

“Fechamos este ciclo de investimentos nos municípios com grande alegria, pois sentimos que estamos quebrando um vício danoso, que era a partidarização na administração pública. Enquanto eu for governador, não haverá perseguição aos municípios. Quero pensar a Paraíba adiante, lá na frente, com políticas públicas quem atendam à expectativa dos paraibanos”, ressaltou.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

“Costurando uma paixão” estará em Itabaiana dia 24 e depois segue para São João do Rio do Peixe



A peça “Costurando uma paixão”, texto de Wilton Pereira e direção de Edglês Gonçalves, estará se apresentando no dia 24 de setembro, no auditório da Escola João Fagundes de Oliveira (foto), na entrega de certificados da Gincana Emir Nunes, do Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, e depois viaja para São João do Rio do Peixe, alto sertão paraibano, onde vai se apresentar no Ponto de Cultura da APAE. 

“Costurando uma paixão”, é uma comédia que conta a história de Zuzu, que está noiva e vai visitar Mandoca, um travesti, para consertar o vestido. Elas falam de suas paixões, de tolerância e respeito pelos seres humanos. 

Nivaldo Amador, do Ponto de Cultura da APAE em São João do Rio do Peixe, explica que o Projeto Ponto de Cultura "Ser Especial com Arte, Cultura e Cidadania", que tem como proponente a APAE, visa atender alunos da Escola da APAE e de Escolas Públicas, em situação de vulnerabilidade social, com atendimento de Curso de Computação e Oficinas de Teatro, Xaxado, Frevo e Ciranda. Também oferecem Oficinas de Violão, Percursão, Cavaquinho e Acordeon. No caso do teatro, Nivaldo está incentivando o intercâmbio entre os grupos dos diversos pontos de cultura da Paraíba.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

ITABAIANA


Feira livre de Itabaiana já foi uma das maiores do Nordeste, hoje em decadência, como todas as demais atividades econômicas do município
Zé Ramos articula seminários sobre desenvolvimento

O pré-candidato a prefeito de Itabaiana, Zé Ramos (PSB) está articulando uma série de seminários para debater o desenvolvimento do município e os problemas econômicos e sociais da região. “Queremos tirar as propostas da sociedade para combater esses problemas”, explicou.

O primeiro da série de seminários propostos por Zé Ramos e seu partido, PSB, focará as questões relacionadas à educação e cultura. “Provavelmente em outubro de 2011 iniciaremos os seminários voltados para a sociedade itabaianense”, informou Zé Ramos.

Os debates contarão com a parceria de organizações não governamentais da cidade. “Vamos convidar pesquisadores das universidades federal e estadual para contribuir com os debates”, disse Zé Ramos, acrescentando que convidará vereadores, trabalhadores, estudantes, professores, artistas e representantes dos movimentos sociais além de líderes religiosos que queiram a união em torno dos interesses de Itabaiana.

A série de seminários também debaterá temas ligados à agricultura, comércio, lazer, meio ambiente e transporte, com a participação de palestrantes especializados em cada área.

terça-feira, 30 de agosto de 2011

CINEMA


Videasta do Ponto de Cultura Cantiga de Ninar tem dois filmes selecionados para o 5º Cineport

O videasta Jacinto Moreno, do setor de audiovisual do Ponto de Cultura Cantiga de Ninar (Itabaiana/PB), teve seus filmes “Taxi” e “Viventes” selecionados para o 5º Cineport 2011, Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa, que será realizado de 19 a 25 de setembro em João Pessoa, PB.

O Festival é uma realização da Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho e tem como objetivos integrar o mercado cinematográfico dos países de língua portuguesa e promover os filmes realizados em português e dialetos falados nas nações africanas que formam a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa-CPLP, bem como reunir personalidades ligadas ao audiovisual desses países, estimulando o intercâmbio cultural, promovendo encontros, seminários, painéis, debates, conferências, mostras, lançamentos de publicações, DVDs, filmes e vídeos. 

Integram o Festival mostras competitivas de longa e curta metragens em diversas categorias, mostra homenagens a personalidades do cinema do Brasil, Portugal e África e mostra infantil. O Festival irá conceder cinco tipos de troféus: Andorinha Longa Metragem, Andorinha Curta Metragem, Andorinha Técnica, Andorinha Criança e Humberto Mauro. O Festival promoverá também o Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano, voltado exclusivamente para filmes produzidos e realizados no estado da Paraíba por equipes paraibanas e diretores residentes no estado. É neste Prêmio que os filmes de Jacinto Moreno estão competindo no Festival.


ORÇAMENTO DEMOCRÁTICO



Conselheiros são escolhidos em Juripiranga

Nesta segunda feira (29), aconteceu no município de Juripiranga a eleição para escolha dos 12 Conselheiros que vão representar a microrregião de Itabaiana sede da 12ª Região Geoadministrativa do Estado da Paraíba;

O evento deu continuidade às atividades do Orçamento Democrático Estadual e foi realizado no Ginásio Poliesportivo Dr. José Augusto Maroja “O MAROJÃO” localizado à rua Senador Rui Carneiro, conjunto São Gonçalo;

Marcado para começar a partir das 18h:00, o público chegou cedo e fizeram com tranqüilidade as suas inscrições tanto para concorrer a uma vaga no Conselho como para se habilitar para a hora da escolha de seus candidatos através do voto livre e democrático;

Apenas três municípios enviaram seus representantes para concorrer a uma vaga no Conselho, foram ele: Itabaiana, Pedras de Fogo e Juripiranga com destaque para o município que sediou o evento que levou ao local cerca de 70% dos participantes;

Com o Ginásio de Esportes cheio de pessoas que vieram participar do evento o município de Juripiranga conseguiu eleger (06) seis dos (16) candidatos que se inscreveram para a disputa o que representa 50% da composição do Conselho os municípios de Itabaiana e Pedras de Fogo ficaram com (03) três vagas cada um que foram eleitos com os votos de sua caravana mas com o apoio dos participantes juripiranguenses.

OS CANDIDATOS ELEITOS FORAM OS SEGUINTES:

1º Gleidson Gomes da Silva - Juripiranga

2º Daniel Lourenço da Silva - Juripiranga

3º Edmir Tavares de Arruda Junior - Juripiranga

4º Leandro Silva de Lima - Pedras de Fogo

5º Maria Kélida Alves de Araújo - Juripiranga

6º Fabiano da Silva Albuquerque - Pedras de Fogo

7º Francisco Pontes da Veiga - Pedras de Fogo

8º Odair José da Silva - Juripiranga

9º João Alves de Souza Neto - Itabaiana

10º Maria Lúcia Andrade Cabral - Juripiranga

11º Lucas Martins da Silva Souza - Itabaiana

12º Jorge Bezerra de Lima - Itabaiana


inolucasnoticias.blogspot.com