terça-feira, 26 de julho de 2016

Prefeitura de Juripiranga lança concurso público com 101 vagas



A Prefeitura de Juripiranga divulgou o edital 001/2016 para concurso público que visa preencher 101 vagas, sendo 12 vagas reservadas para pessoas com deficiência. As oportunidades são para todos os níveis de escolaridades. Os vencimentos iniciais são a partir de R$ 880,00.
Para nível fundamental, há vagas para auxiliar de saúde bucal, pedreiro, servente de pedreiro, coveiro, motorista, operador de máquinas, tratorista e vigilante.
Para nível médio, as vaga são para agente administrativo, agente comunitário de saúde, auxiliar de serviços gerais, eletricista e monitor de creche.
Para nível superior, as oportunidades são para assistente social, enfermeiro, engenheiro civil, farmacêutico, médico, fiscal de tributos municipais, fisioterapeuta, nutricionista e odontólogo.
As inscrições começam hoje, dia 25 de julho, e vão até o dia 09 de setembro pelo site: http://www.contemaxconsultoria.com.br, endereço pelo qual o candidato já pode acessar o edital e fazer a sua inscrição.
As provas estão previstas para serem aplicadas no dia 06/11/2016.
Para maiores informações sobre cargos, salários, taxas de inscrição estamos disponibilizando o edital do concurso com todos os detalhes relacionados a este processo seletivo.

Confira o edital: http://www.contemaxconsultoria.com.br/site/wp-content/uploads/2016/07/Edital-e-regulamento-juripiranga.pdf

segunda-feira, 25 de julho de 2016

ITABAIANA

Escola pública desenvolve projeto de leitura em parceria com Academia de Cordel e Secult/PB


A Escola Municipal Dr. Antonio Batista Santiago, em Itabaiana, acaba de aderir ao projeto “Paraíba leitora”, da Secretaria Estadual de Cultura e Academia de Cordel do Vale do Paraíba, que consiste em exposição de livros para troca, tendo em vista a democratização do livro e o fomento à leitura entre os estudantes, já que a escola não dispõe de biblioteca. “É nossa contribuição com livros e o banner do projeto na mobilização de esforços para abrir novos espaços onde se estimule o prazer em ler”, disse Fábio Mozart, Secretário da Academia.

O professor Luiz Antonio disse que será um privilégio para a Escola Antonio B. Santiago abrir espaço ao projeto “Paraíba leitora”, como pioneira em Itabaiana. “A nossa gestora Alba Trigueiro amou o projeto e esperamos que outras escolas façam sua adesão para estimular a prática da leitura de qualidade”, afirmou. “Agradecemos a colaboração da Academia de Cordel do Vale do Paraíba que, através de grande exemplo, ajudará a mostrar ao nosso alunado a importância do costume de ler e, mais ainda, de ter contato com a literatura de cordel, pois acho que é sempre emocionante motivar as novas gerações a ter acesso à boa literatura”, finalizou.

A Secretaria de Cultura do Estado da Paraíba assumiu o desafio de instigar o debate sobre a democratização do acesso ao livro na perspectiva de uma sociedade leitora, a partir da concepção de que “ler é um direto de todos, e, por conseguinte, democratizar o acesso é um dever do Estado”.


domingo, 24 de julho de 2016

Servidor público denuncia que foi ameaçado por vereador em Pilar

O servidor público Ednaldo Nascimento (foto), morador da comunidade rural de Jacaré, em Pilar, denunciou ao Tribuna do Vale  que foi ameaçado de morte, neste sábado, (23), pelo vereador Rodolfo Fonseca. O caso aconteceu depois que Ednaldo reclamou da falta d’água na comunidade e da forma “eleitoreira” como a Prefeitura vem promovendo o abastecimento através de carro pipa. “A bomba do poço queimou, até agora não foi resolvido o problema e a Prefeitura abastece apenas os apadrinhados políticos da prefeita e do vereador Rodolfo”, contou Ednaldo. Após a reclamação, ele foi procurado pelo vereador que o teria ameaçado, tentando agredir o denunciante, no que foi contido por populares. “Vamos procurar a Promotoria Pública da Comarca para registrar o fato e pedir garantias”, disse Ednaldo.
Lideranças da comunidade Jacaré e entorno reclamam dos problemas que afligem e assolam parte da zona rural do município de Pilar, sobretudo o pessoal da terceira idade e portadores de necessidades especiais, têm vivido situações constrangedoras, vexatórias e humilhantes quando o assunto é transporte público e abastecimento de água. Devido à disputa política, os dois vereadores ali residentes dividem a população entre correligionários e o restante, tratando os que não os apoiam de forma desigual, afirmou uma liderança comunitária local.

Outro lado

A reportagem do Tribuna do Vale  tentou entrar em contato por telefone para ouvir o vereador Rodolfo, mas não foi possível registrar sua versão sobre o fato.

sábado, 23 de julho de 2016

SALGADO DE SÃO FÉLIX

Governo bloqueia programa Bolsa Família e beneficiários reclamam do prefeito



Diversos beneficiários do Bolsa Família tiveram uma péssima surpresa neste mês de julho, ao acessar a conta no Banco do Brasil e verificar que o benefício foi cancelado ou bloqueado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome no município de Salgado de São Félix. Um desses beneficiários lamentou o cancelamento, após 10 anos. O professor Luiz Paulino atribui a perseguição política por parte da Prefeitura. “Estão usando o Bolsa Família para fazer campanha para o candidato do prefeito”, disse ele nas redes sociais. “Tem professores e diretora de escola recebendo o Bolsa Família, enquanto de quem precisa foi bloqueado o benefício”, disse ele.

Conforme nota do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, foram cancelados benefícios do programa Bolsa Família para 40.383 famílias no país. O motivo do cancelamento foi a baixa frequência escolar e o não cumprimento da agenda de saúde. Deste total, 24.764 famílias perderam o total de recursos recebidos e 15.619, apenas a parcela referente aos adolescentes de 16 e 17 anos. Foram suspensos também o pagamento de 120.548 benefícios por 60 dias. Outros 106.968 mil foram bloqueados em março, mas, neste caso, as famílias voltam a receber os valores retroativos em abril.
De acordo com dados do ministério, 36.000 famílias tiveram os recursos do programa suspensos pela segunda vez e estão correndo risco de cancelamento, após o próximo período de monitoramento da educação. Esses beneficiários precisam ser incluídos no processo de acompanhamento familiar pelas áreas de assistência social, educação, saúde e gestão municipal do Bolsa Família para evitar a perda do benefício.
Para receber o benefício, as famílias precisam cumprir contrapartidas do programa, como frequência mínima de 85% das aulas para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos e de 75%, para jovens de 16 e 17 anos; e manter em dia as vacinas dos filhos (o que inclui registro do peso e da altura de crianças de até 7 anos e a realização do pré-natal pelas beneficiárias gestantes. Os efeitos nos benefícios financeiros das famílias que não cumpriram as condicionalidades são gradativos. Na primeira vez em que é detectado um descumprimento, as famílias recebem uma advertência; se a situação se repetir num período de 18 meses, o benefício é bloqueado. Novas reincidências levam a uma suspensão no recebimento do benefício por 60 dias, seguida de uma segunda suspensão, e, caso haja cinco descumprimentos, o benefício é cancelado.


quinta-feira, 21 de julho de 2016

Artista de Itabaiana promover sarau na Biblioteca Juarez da Gama Batista

O artista plástico e poeta Thiago Alves, da Academia de Cordel do Vale do Paraíba, estará lançando seu livro “Ego arrebatado”, em sarau promovido pela Biblioteca Juarez da Gama Batista, da Fundação Espaço Cultural, no dia 23 de julho, sábado, a partir das 16 horas.
Thiago Alves é pintor e poeta. Participou de várias exposições, entre elas o V SEMAP, em João Pessoa, em 1991. Em Itabaiana, participou de exposição – óleo sobre tela e vitral – em agosto de 1991, na agência da Caixa Econômica Federal, juntamente com Nalva de Sena e Adil Medeiros.
Participou de curso de aperfeiçoamento de desenho e pintura no Rio de Janeiro, monitorado por mestres internacionais da Itália, Grécia, Alemanha e Suíça. Tornou-se sócio da Academia Brasileira de Belas Artes. Há pouco tempo, teve quadros expostos na Fundação Casa de José Américo, juntamente com outro artista de Itabaiana, Otto Cavalcanti.

Thiago Alves é também músico, com passagem por várias bandas marciais de Itabaiana, como instrutor e trompetista. Atualmente reside em João Pessoa.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Tesouro Nacional bloquei dinheiro da Prefeitura de Salgado de São Félix


Previsto para ser creditado nesta quarta-feira (20), pelo menos 196 Municípios no país, sendo 14 da Paraíba, podem não receber o segundo decêndio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) deste mês, de acordo com informações da Secretaria do Tesouro Nacional (STN). A Prefeitura de Salgado de São Félix está entre esses órgãos municipais que tiveram contas bloqueadas.

A Confederação Nacional de Municípios informa que o Município afetado poderá identificar o repasse no extrato bancário, porém o recurso estará bloqueado para saques, transferências, entre outras operações.
O bloqueio ocorre quando o Município não realiza ou atrasa o pagamento do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), ou ainda possui dívidas com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Quando isso acontece, a prefeitura não tem acesso ao recurso.
Para solucionar o problema, a CNM orienta que o gestor primeiramente identifique qual pendência motivou o bloqueio do repasse, o que deve ser feito junto à Delegacia da Receita Federal do Brasil de Jurisdição.
Em seguida, a administração municipal precisa efetuar a regularização e apresentar as guias pagas na delegacia da Receita Federal do Brasil (RFB) de jurisdição do Município, solicitando que o desbloqueio seja realizado no sistema chamado Fundo de Participação de Estados e Municípios (FPEM).